Sábado, 16 de Outubro de 2021
29°

Poucas nuvens

Afonso Bezerra - RN

Geral Ejaculação!

Ejaculação precoce: meu tempo é normal? Preciso de remédio? Entenda em 7 pontos como lidar

Cerca de 30% dos homens têm ejaculação precoce no Brasil. O tema ainda é tabu para muita gente, mas existem formas de lidar e tratar o problema.

08/10/2021 às 10h26
Por: Hermerson Barbosa
Compartilhe:
Imagem reproduzida
Imagem reproduzida

Ejaculação precoce: existe tratamento? Como diagnosticar? — Foto: Alexandre Mauro/G1

No Brasil, cerca de 30% dos homens têm ejaculação precoce, segundo dados da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). Mas falar sobre esse tema e suas causas ainda é um tabu para muita gente.

A ejaculação precoce está associada a fatores físicos e psicológicos. Existe tratamento e formas de lidar com essa condição. A seguir, o g1 tira algumas dúvidas sobre o assunto:

O que é?

  1. Tem idade para começar?
  2. Quais as causas?
  3. O que fazer?
  4. Tratamentos
  5. Diagnóstico
  6. Camisinha e masturbação: gatilhos para ejaculação precoce?

Confira abaixo os detalhes de cada tópico:

1 – O que é a ejaculação precoce?

A definição básica de ejaculação precoce é quando o homem tem o orgasmo (e ejacula) em até um minuto após a penetração. O problema precisa ser persistente, não pode ser esporádico. O urologista Eduardo Miranda, membro do Departamento de Andrologia da SBU, explica que, além do tempo, é importante que a rapidez esteja associada a um grau de sofrimento – seja do sujeito ou do seu par.

“Qualquer pessoa pode ter um dia que gozou rápido. Isso é OK. Para se denominar ejaculação precoce, precisa ser persistente, em até um minuto, e com um incômodo – pessoal ou interpessoal”, diz Miranda.

Em termos de comparação, o chamado tempo de latência (tempo da penetração até o orgasmo) gira em torno de seis minutos na população em geral.

Os especialistas dividem a ejaculação precoce em duas categorias:

  • Primária: quando acontece desde o início das relações sexuais e o tempo fica abaixo de um minuto.
  • Secundária: é a ejaculação precoce “adquirida ao longo da vida”. O homem não tinha queixas mas, por algum motivo, começa a ter o orgasmo mais rápido e não alcança três minutos de transa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Afonso Bezerra - RN Atualizado às 21h29 - Fonte: ClimaTempo
29°
Poucas nuvens

Mín. 22° Máx. 35°

Dom 36°C 22°C
Seg 35°C 23°C
Ter 34°C 23°C
Qua 35°C 22°C
Qui 35°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete